Pesquise por hashtags, nomes, e assuntos Pesquisar

A diferença entre cultivo convencional, orgânico e hidropônico

      As plantas precisam de espaço para fixar suas raízes e respirar, sol e água para realizar a fotossíntese e produzir energia, vitaminas que são os nutrientes que deixam elas bonitas e saudáveis e tratamentos para combater doenças e pragas.

      Existem três métodos de cultivo muito conhecidos.

      São eles: convencional, orgânico e hidropônico.

      Sol, água e ar estão disponíveis em todos os métodos. A diferença, é o local de cultivo, a forma como são fornecidas as vitaminas e os medicamentos que as plantas precisam.

      Mas você sabe de quais modos são realizadas estas formas de cultivo?

Cultivo convencional

      É a mais utilizada no mundo e o cultivo se dá diretamente na terra, desde pequenas hortas em casa até grandes produções. As plantas retiram do solo os nutrientes que precisam.

      Antes de plantar é preciso realizar a análise do solo que identificará quais nutrientes estão em falta na terra. Em seguida, cria-se um plano de adubação para a planta, desde o semeio até a colheita. Essa adubação pode ser realizada com composto de qualquer origem, sendo mineral (o conhecido NPK – Nitrogênio, fósforo e potássio) ou orgânico, como húmus.

      Para combater fungos e bactérias no método convencional, os defensivos podem ser químicos, orgânicos ou biológicos.

cultivo convencional

Cultivo orgânico

       Também é realizado diretamente no solo, mas sem produtos químicos e obedecendo os princípios e métodos da agroecologia, como cultivo em ambientes diversificados em fauna e flora e revolvimento mínimo no solo. Toda adubação e proteção são feitas com matéria orgânica como restos vegetais e esterco além de vegetação seca.

      O combate a pragas é feito com métodos alternativos ou biológicos como caldas caseiras e óleos vegetais.

      A venda pode ser feita diretamente no local de produção ou em feiras livres onde é dispensado a obrigatoriedade da certificação. Mas quando a venda é realizada no varejo, em supermercados ou hortifrútis, é necessário o selo de certificação orgânica emitido pelo órgão licenciado pelo ministério da agricultura.

cultivo-organico

Cultivo hidropônico

       Neste sistema as plantas são cultivadas fora do solo. Elas crescem na água, flutuando em reservatórios, alojadas em calhas ou tubos em um meio composto por brita, areia ou outros materiais inertes.

      Nesta técnica as plantas ficam em um ambiente mais controlado e protegido contra pragas e doenças. Ainda assim é permitido o uso de produtos de origem química, orgânica ou biológica no tratamento das plantas.

      A hidroponia também pode ser auxiliada pelo uso de outros substratos como: cascalho, areia, vermiculita, perlita, lã de rocha, serragem, casca de árvore, etc., aos quais são adicionados uma solução de nutrientes contendo elementos essenciais para o desenvolvimento da planta.

cultivo-hidroponico-1024x768

      Gostou de conhecer os diferentes tipos de cultivo? Deixe seu comentário! 😉

Comments

comments

Posts relacionados

21 respostas para “A diferença entre cultivo convencional, orgânico e hidropônico”

  1. Orlando Pasqual disse:

    Matéria muito boa e esclarecedora. Para a gente que é leiga excelente matéria. Parabéns.

  2. ANA BEATRIZ LOPES COELHO disse:

    FANTÁSTICO!!!! IMAGINAVA A HIDROPONIA TOTALMENTE DIFERENTE!!!ADOREI,MUITO ESCLARECEDOR!!!!! MUI GRATA !!!!!

  3. Livia Costa disse:

    Não sei se é preconceito meu, mas acho imprescindível o crescimento na terra, com sol, lua, astros… Será que para o corpo é a mesma coisa?

  4. Antonio disse:

    Bom dia pessoal, ótima explicação, mas atenção para o consumo destas hortaliças,
    Vejam que:
    Convencional usa métodos com química que não fazem bem para a saúde mesmo em pouco quantidade.

    Orgânico usa esterco que é resto de algo que já foi extraído tudo de bom e o animal expele joga fora, isto não cai do céu e nem brota da terra.

    Hidroponico falta o elemento terra e é substituído por produtos químicos.

    O ideal é produto natural aquele que não usa absolutamente nada daquilo a que se dá o nome de adubo seja de origem animal ou química. Agricultura natural usa folhas e capim seco.
    Na falta do natural o produto mais próximo é o orgânico.

    • Anderson Mendes disse:

      Bom dia Antônio! Se você estudasse um pouquinho de fisiologia vegetal de plantas (sistema fisiológico das mesmas), fertilidade do solo e nutrição de plantas, você saberia o ABSURDO que você está falando. A ideia do cultivo orgânico e natural são realmente benéficas ao ambiente, no entanto o que muitos dos defensores destes cultivos não expõem e/ou não sabem é que plantas possuem um sistema de absorção (tanto radicular como foliar) altamente especifico, ou seja plantas não absorvem adubos químicos ou orgânicos, plantas absorventes elementos químicos essenciais (macro e micro nutrientes, exemplo N, P, K, Ca, Mg e S). Por exemplo, o Nitrogênio é absorvido na forma de nitrato, amônio ou ureia, então quando se aplica um adubo orgânico o mesmo é mineralizado por microrganismos decompositores até se chegar em uma destas formas químicas, permitindo que o mesmo seja absorvido. Assim, se tratando de nutrição de plantas o cultivo orgânico, natural e convencional não possuem nenhuma diferença, contrapondo portanto a errônea ideia de que a nutrição de plantas orgânica ou natural é mais saudável que a nutrição convencional utilizando-se dos chamados adubos químicos.

  5. Julio disse:

    muito legal !

  6. Antonio pereira de Melo disse:

    Estou começãndo,já fiz 8m² de adubo organico,vou plantar 300 pés de maracuja

  7. Antonio pereira de Melo disse:

    não tnderenho nada a comentar, so a aprender.obrigado a todos.
    Gostei muito, vou aprender todo diaEstejam certos que farei muitasperguntas.

  8. Anderson Mendes disse:

    Ótimo texto, apresenta as diferenças dos três tipos de cultivo de forma clara e honesta com ambos os tipos de cultivo. Sou fã do cultivo orgânico, porém como conhecedor da fisiologia vegetal e da química do solo, sei que em termo de nutrição este sistema não agrega nenhuma vantagem sobre o cultivo convencional ou hidropônico. Tenho me dedicado muito a pesquisa de assuntos sobre o cultivo hidropônico e a cada dia mais veja as vantagens deste cultivo, um sistema que permite a nutrição vegetal mais equilibrada entre os três sistemas aqui apresentados.

    • José Augusto Amaral disse:

      Sr. Anderson Mendes. Como pesquisador de cultivos hidropônicos, poderia me responder uma dúvida? Qual a diferença de custo entre o cultivos convencional, hidropônico e aquapônico (se tiver conhecimentos deste) e a lucratividade.

  9. rafaela disse:

    olha gostei da resposta mai o duro é que é muito grande essa resposta

  10. anita caetano disse:

    so gostaria de saber a alface plantada na terra e mais ou menos saudavel que uma hidroponica

  11. Neto disse:

    Gostei da resposta dada ao Antônio. Aprendi muito com ela

  12. ANTONIO CARLOS disse:

    Gostaria de saber se as mudinhas de folhosas para a terra, podem ser aproveitadas na hidroponia, ou se tenho mesmo que começar a cultura na hidroponia com as sementes?

    • Tiago kalke disse:

      Ola Antônio pode usar sim çemnrando que o substrato usado para fazer as mudas seja de boa qualidade livre de patogenos

  13. kiara disse:

    olá eu uso que tipo de plantação para plantar uma dionaea muscipula ?

  14. joel soares vieira disse:

    O colega está certo quanto a disponibilidade dos nutrientes. A questão da adubação química é que quando compramos algum formulado estamos restrito a alguns nutrientes. Sendo que se for disponibilizado uma quantidade de adubação orgânica temos um leque maior de nutrientes, mesmo em pequenas quantidades. Ainda teríamos a vantagem da matéria orgânica agir como um condicionador de solo, melhorando e muito a esrutura física do solo que de maneira direta vai contribuir com a nutrição das plantas.

  15. altair disse:

    cada escola deste pais, a maioria tem quintais, deveria ter uma horta, que seria alem de produtiva, EDUCATIVA///////////////////////

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Feito por Nerau Studio