Regar Plantas: Tudo o que você precisa saber para não fazer errado

3 Comentários

      Não é segredo que para o desenvolvimento de plantas elas precisam receber as conhecidas regas. Parece uma tarefa fácil e até mesmo óbvia, no entanto exige alguns cuidados específicos para que a saúde e beleza das plantas seja preservada.

      Por isso quem deseja ter plantas bonitas e saudáveis em casa precisa seguir alguns passos, como por exemplo quando, como e quantas vezes regá-las.

      E é sobre isso que iremos falar!

      As plantas usam a água para todos seus processos, como absorver nutrientes da terra e fazer a fotossíntese.

      A rega correta faz com que a planta tenha o poder de mostrar o seu máximo potencial tanto em beleza quanto em produção.

Qual o melhor horário para regar minhas plantas?

      Os melhores e mais indicados para realizar as regas são o período da manhã e o fim da tarde (depois das 15 horas).

      Não é interessante regar ao meio-dia, pois, por se tratar de um horário muito quente, a água evapora rapidamente, fazendo com que a planta não tenha tempo para absorção.

      Também não é recomendado realizar as regas durante a noite pois nesse período as plantas não absorvem a quantidade ideal de água, e as folhas demoram muito a secar. Isso pode acarretar no acúmulo de fungos ou até mesmo apodrecimento da raiz.

De quanto em quanto tempo devo regar minhas plantas?

      Não há um tempo exato. Não é necessário seguir fielmente um cronograma. É preciso avaliar as condições do solo e do dia, pois esses fatores podem levar ao excesso ou à falta de água.

      Há dias mais quentes, mais frios, mais úmidos, mais secos, mais ensolarados, nublados… Cada dia a perda de água é completamente diferente. E é considerando isso que realizará as regas.

      Mexa a terra com o dedo ou com um palito de sorvete. Você conseguirá observar se está seca ou úmida por baixo da superfície.

      Se ainda estiver molhada, deixe a rega para outro momento.

      Algumas espécies de plantas precisam de regas mais frequentes. Outras, nem tanto. Por isso é necessário sempre realizar a verificação antes de regá-las.

Como realizar a rega?

      São vários os fatores que determinam a quantidade de água que deve colocar nas plantas. Porém, uma regra geral é evitar o encharcamento da terra. Mas lembre-se que há exceções.

      O excesso de água pode afogar as raízes das plantas, que precisam de ar. Isso aumentará o surgimento de fungos e doenças.

      Procure sempre realizar regas em modo lento, parando assim que a água começar a demorar um pouco a entrar na terra. Ou então, quando a água escorrer ao fundo do vaso.

Posso molhar as folhas?

      Depende do tipo de planta. Há espécies que apresentam folhas sensíveis, como as violetas por exemplo. Nesse caso, isso deve ser evitado.

      Em outras palavras: Molhar as folhas não é preciso, mas às vezes acaba sendo inevitável.

      Sempre que puder, aplique a água apenas na base da planta ou em pratinhos, pois manter as folhas secas reduz drasticamente a possibilidade de doenças e fungos.

      Caso observe seus pratinhos cheios d’água, isso poderá indicar excesso. Reduza a quantidade de água e lembre-se de sempre colocar areia grossa para evitar a proliferação do mosquito da dengue.

      Uma alternativa muito bacana é utilizar os Vasos Autoirrigáveis.

      Eles são vasos que possuem um sistema de autoirrigação interno. O sistema é composto por cordões que funcionam como uma espécie de raiz artificial. O processo de umidificação acontece por capilaridade.

      O reservatório de água é acoplado ao vaso e garante a umidade para a terra por dias sem regar. O reservatório do vaso é fechado e possui um filtro na entrada de água. Assim o mosquito da dengue e outras larvas não tem acesso ao compartimento. Isso garante também que não escorra água sem gerar sujeiras indesejáveis.

      É uma ótima opção de beleza, praticidade e cuidado!

      Você encontra os vasos autoirrigáveis em nossa loja, clicando aqui.

3 respostas para "Regar Plantas: Tudo o que você precisa saber para não fazer errado"

  • Parabéns pela matéria, vai ser de um aproveito satisfatório, em minha casa tenho varias variedades de flor as vezes me preocupo em como cuidar corretamente delas tenho medo de molhar muito ou até adubar de forma incorreta, agora com essa matéria estarei mais atenta nas rega das plantas, tenho uma duvida será que vocês poderia me ajudar? se poderemos utilizar água de sabão em pó, ou sabão liquido, amaciante para regar as planta? serei grata se me ajudar com essa duvida.

  • Bom .dia!.
    Eu gostaria de uma informação, como regar hortaliças e quais dependem de sol, o motivo é que no meu aptº. não recebe o sol necessário, e quais as que precisam e as que não precisam de sol?, ajudem-me por gentileza.
    O meu muito obrigado, e um forte abraço.
    Aguardo respostas.

  • Tenho 4 pes de tomate na garrafa pet e estou tendo dificuldade em manter uma constância na rega, as vezes esqueço ou tenho que viajar por 1 ou 2 dias, fazendo que sogra um estresse hídrico. Tem um sistema de rega que possa mim ajudar?

  • Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *