Como plantar babosa

2 Comentários

     Você certamente já ouviu falar na babosa.

     Essa planta com função fitoterápica possui mais de 300 espécies, mas a de maior valor comercial e mais conhecida é sem dúvidas a Aloe vera.

     Além de muito utilizada na área de cosméticos é também uma planta cheia de propriedades medicinais, pois é um ótimo bactericida, cicatrizante e tem capacidade para reidratar a pele e os cabelos.

     A babosa é também usada como planta ornamental. Flores amarelas nascem de um longo pedúnculo que surge no centro das folhas grossas. Essas flores embelezam jardins e outras áreas abertas.

     O gel viscoso da planta ajuda a eliminar a dor quando aplicado sobre queimaduras.

     De origem africana, a babosa pertence à família das Liliaceae e é parecida com o cacto.

     Quando atinge a fase adulta, produz de 15 a 30 folhas por ano. Essas folhas são carnosas, firmes e quebradiças. Delas sai um líquido viscoso e bem macio.

     É preciso ter cuidado para não se cortar ao manusear as folhas de babosa, pois elas possuem bordas cheias de espinhos.

     As folhas medem de 20 a 50 centímetros de comprimento quando maduras e possuem cerca de 8 centímetros de largura.

     Vamos aprender a plantá-la?

1.

     O solo ideal para a babosa é o bem drenado, fofo e permeável.

     O ideal é uma mistura de 50% de areia média (de rio, lavada) e 50% de terra orgânica adubada com composto.

2.

     O vaso que receberá a planta deve ser bem amplo pois o enraizamento, apesar de superficial, é extenso e precisa de um espaço considerável para crescer.

     No entanto, a forma mais simples para gerar mudas é manter a espécie em um vaso apertado. Dessa maneira, para sobreviver, ela gerará filhotes que você deverá retirar e plantar em um vaso maior.

3.

     Plantas suculentas não gostam de encharcamento no solo, e por isso é utilizada areia média.

     Verifique atentamente se seu vaso não irá reter água no interior. Isso apodreceria as raízes muito rapidamente.

4.

     Quando for realizar o transplante da muda para um vaso maior, deixe a planta sem água por uns 3 dias aproximadamente.

     Dessa maneira ela conseguirá se recuperar dos traumas da troca de lugar e se fortalecerá para um novo ciclo refazendo as raízes quebradas.

5.

     A rega da planta é super simples e fácil: uma vez por semana.

     Basta pulverizar água pura. Nada além disso. Por se tratar de uma suculenta a planta armazena água em seu interior e por isso dispensa um número excessivo de regas.

6.

     A babosa precisa de muito sol. Então se você deseja cultivar sua planta dentro de casa, escolha um local bem ensolarado, a beira de uma janela ou varanda. Esse espaço deverá receber pelo menos 8 horas de luz natural por dia.

     Essa regra vale principalmente para quem mora em regiões muito frias. Durante o inverno rigoroso a planta até sobrevive num estado de dormência, mas congela e morre em temperaturas abaixo de 4°C.

7.

     Evite que sua planta receba chuvas constantes. Como citamos, a planta não necessita de muitas regas e esse excesso de água facilmente apodrecerá sua babosa.

8.

     Quando realizar a troca de vasos da muda de babosa, cuide para que as folhas fiquem bem acima da terra.

      Folha de suculenta em contato direto com a terra apodrece. Por isso uma boa medida é cobrir a terra com seixos ou outro material de forração.

     Aprendeu a cultivar a famosa babosa?

     Então mãos à terra e bom plantio! 💚

Comments

comments

2 respostas para "Como plantar babosa"

  • Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *