Lendo agora
Orquídeas: como cuidar e cultivar

Orquídeas: como cuidar e cultivar

como cultivar orquideas

As orquídeas são unanimidade quando o assunto é favoritismo: todo mundo se rende aos encantos delas!

No entanto, apesar de serem uma das plantas mais cultivadas, elas geram muitas dúvidas. O que muitas pessoas não sabem é que cultivar orquídeas é mais fácil do que se pensa!

Mostraremos, a seguir, dicas e recomendações de cuidados para garantir uma ótima floração dos seus vasos de orquídea ou um lindo orquidário. Boa leitura!

orquídeas
Orquídeas são espécies muito cultivadas no Brasil. Reprodução: Shutterstock

Alerta importante

A grande maioria das orquídeas brasileiras são epífitas, ou seja, que crescem presas às árvores.

Ainda que esta seja a forma de desenvolvimento dessas plantas, elas não roubam nenhum tipo de nutrientes das árvores que servem como suas ‘casas’. As raízes fixam a planta no caule das árvores.

orquídeas floridas
Orquídeas floridas. Imagens: Plantei Garden Center.

Muitos colecionadores ou até mesmo turistas, ao se depararem com orquídeas na mata, acabam arrancando-as do seu habitat natural. Não faça isso!

Opte sempre por adquirir mudas de produtores conhecidos e de confiança, que tenham plantas disponíveis para venda.

Agora, sim, vamos às dicas de como cultivar orquídeas!

Quantas vezes devo regar as orquídeas?

A maneira correta de regar uma orquídea é por cima, deixando sempre a água escorrer totalmente. Regue pelo menos duas vezes por semana quando o clima estiver quente.

Você saberá quando molhá-la colocando o dedo no substrato e verificando se o mesmo está seco. Ele deverá ficar sempre úmido, mas nunca encharcado.

Os pratinhos que ficam embaixo dos vasos são dispensáveis, pois podem acumular água, que acarretará no apodrecimento das raízes. É muito mais fácil uma orquídea morrer por excesso de água do que pela falta dela.

No nosso canal no YouTube temos um conteúdo especial sobre as regas das orquídeas. Confira!

Escolha da planta

Procure sempre escolher orquídeas que conseguirão se adaptar à sua região.

Como essas plantas costumam florescer apenas uma ou duas vezes por ano, é bem legal possuir diversas espécies, principalmente com ciclos de floração também diferentes.

como cultivar orquídeas
As orquídeas costumam florescer duas vezes ao ano. Imagens: Plantei Garden Center.

Realizando esse rodízio as chances de possuir plantas floridas em diferentes épocas é maior. Assim, sempre terá pelo menos alguma planta florida.

Durante o processo de escolha das plantas procure optar pelas que crescem em sua região.

Orquídeas em vasos

Os vasos ideais para o plantio das orquídeas são os de barro com furos laterais, os transparentes ou os xaxins de palmeira.

Eles são um produto natural feito com fibras orgânicas, livres de quaisquer substâncias tóxicas ou químicas e oferecem alta absorção de água e até mesmo de nutrientes, permitindo um enraizamento ideal.

cachepôs para orquídeas

Luminosidade

As plantas devem ficar em locais onde possam receber a luz solar no horário da manhã (até às 9 horas) ou no final da tarde (depois das 16 horas).

orquídeas em árvores
Orquídeas florescendo em árvores. Imagens: Plantei Garden Center.

A luz solar é um importante fator para o desenvolvimento das plantas, sem ela a orquídea não florescerá.

Caso escolha cultivar suas orquídeas amarrando-as em troncos, escolha árvores que não tenham sombra muito densa, como, por exemplo, as mangueiras.

Ventilação

É necessário que o local onde as orquídeas ficarão seja bem arejado. Porém, evite sempre ventilação muito intensa, afinal, isso poderá acarretar em danos devido a quedas.

Adubação

Toda planta precisam de nutrientes e com as orquídeas não é diferente.

Veja também
como plantar hortelã

O ideal é adubá-las uma vez por semana. Para essa tarefa você pode escolher adubos químicos como NPK 20-20-20, ou orgânicos, como farinha de osso, torta de neem, torta de mamona, entre outros.

Caso escolha adubos líquidos foliares, adicione algumas gotas à água e procure molhar a parte inferior das folhas de suas orquídeas. É nessa parte que se encontram os estômatos que realizam a absorção de água e nutrientes.

orquídeas floridas
Orquídeas encantam pela beleza e variedade de flores. Imagens: Plantei.

Pragas e doenças

Se suas plantas forem cultivadas de forma adequada dificilmente serão atacadas por pragas e doenças, já que estarão mais resistentes.

Ainda assim é importante prevenir-se. As cochonilhas são um dos maiores inimigos do cultivo de orquídeas. Elas sugam a seiva da planta e, caso não sejam combatidas, poderão matá-las.

Caso suas plantas sejam atacadas por essas pragas, utilize defensivos. Procure optar pelas fórmulas naturais, pois os produtos químicos industrializados costumam ser prejudiciais não só às plantas, mas também aos cultivadores.

orquídea em árvore

Não corte o cabinho da flor

As orquídeas do gênero Phalaenopsis sempre florescem de novo a partir das hastes antigas. Corte a haste floral apenas nos casos em que o cabinho seja por conta própria. Enquanto ele estiver verde, deixe-o na planta.

orquidea em arvore

Não jogue o vaso fora

Muitas pessoas pensam que as orquídeas morrem depois de dar flor. Isso não é verdade. Em alguns meses elas florescerão novamente. Algumas espécies do gênero Phalaenopsis, por exemplo, chegam a florir até três vezes por ano.

Gostou das dicas para o cultivo de orquídeas?

Agora você já pode trazer mais cor, beleza e vida ao seu quintal, cultivando essas famosas e tão amadas plantas. Clique no banner e veja nossos cachepôs para orquídeas disponíveis!

cachepôs para orquídeas

Comments

comments

Comentários (42)
    • Bom dia, Adelson. Existem sementes de orquídeas sim. São pequeninos bulbos que se desenvolvem próximos as flores, entre elas e o caule. No entanto o cultivo a partir de sementes é pouco difundido, até mesmo pela demora de produção. Algumas flores podem demorar aproximadamente 20 anos para florir sendo cultivadas a partir de sementes. Abraço!

  • E a Flor de JERICÓ. Será assunto no BLOG do Senhor. Pois trata-se de uma Maravilhosa espécie. Pouco difundida.
    Gratidão.

    • Olá, Adelson. Agradecemos pela dica. Realmente é uma planta exótica e sem muita divulgação. Merece com certeza uma atenção especial. Será um prazer preparar um conteúdo sobre a mesma. Agradecemos o contato!

    • Recomenda-se usar fertilizantes que sejam solúveis em água, de preferência adubos minerais que tenha teores de Nitrogênio, Fósforo e Potássio (NPK=18.18.18 ou NPK=10.10.10)

  • Vocês estão de parabéns pela matéria e pela idéia do blog! Os amantes de Orquídeas e das
    plantas em geral agradecem! Muito Obrigada!

    • Olá, Maria!
      Muito obrigado. Ficamos felizes que tenha gostado. Conhecimento bom é conhecimento compartilhado, né? E a gente adora fazer tudo com o maior carinho pra vocês, nossos amigos leitores.
      Volte sempre. Será um prazer recebê-la por aqui!

    • Olá, Roger!
      Ficamos muito felizes que tenha gostado. As orquídeas são realmente apaixonantes,né?! Somos super fãs dessas incríveis plantas também.
      Volte sempre mesmo. Será um prazer tê-lo aqui com a gente. Abraço!

  • TENHO UM PÉ DE ORQUÍDEA HÁ MAIS DE DEZ ANOS , ,DA RAÍZES , ESTÁ BONITA , MAS NUNCA DEU UMA FLOR , PORQUE ? ELAS GOSTAM DE SOL DE SOMBRA , AFINAL , GOSTARIA DE SABER UM POUCO SOBRE ISTO , DO MOTIVO DE NUNCA TER DADO UMA FLOR DURANTE TODO ESTE TEMPO , ELA ESTÁ AMARRADA A UM TRONCO DE ÁRVORE , SERÁ QUE É PRECISO PLANTÁ-LA EM UM VASO ! ME RESPONDA POR FAVOR , EU NUNCA VÍ UMA PLANTA DURANTE TODO ESTE TEMPO NUNCA TER DADO SEQUER UMA FLOR , oBRIGADA , BOA NOITE ,

  • Sou apaixonada por orquídeas sempre que ganhouver alguma acabo dando a para alguém depois que param de florescer. Não sabia como cuidar.Pois demoram a florir novamente..Obrigada pelas dicas.

    • Olá, Ana Paula. Tudo bem?
      Essa espécie não aprecia muito climas frios. É uma espécie que vive em climas com variação de 20ºC até 35ºC em seu habitat natural..

  • ótimo post, muito esclarecedor… sempre tive problemas com minhas orquídeas, resolvi colocando borra de café na rais. precisa ter muito cuidado. são flores lindas.

  • Olá. Obrigado pelas dicas. Tenho um jardim de inverno onde pega sol direto somente das 11h30 às 12h30 mais ou menos (hora que ele está bem no alto do céu).
    Será que esse pouco tempo de forte luz direta é prejudicial para as orquídeas?

    Agradeço desde já a ajuda e atenção

  • Boa noite. Tenho uma Orquídea Phalaenopsis na cor branca, posso plantar ela no vasos autoirrigáveis ? E agua no reservatorio nao vai aprodecer as raizes .

  • você quer vencer não fique olhando a escada, comece a subir degrau por degrau até chegar no topo!

    Um dia você ainda vai olhar pra trás e ver que os problemas eram, na verdade, os degraus que te levaram à vitória.

  • Olá. Gostaria de parabenizar pelo artigo, são dicas que realmente leva aprendizado aos amantes desta flor tão encantadora. Acredito que todo mundo se rende a beleza e ao encanto das orquídeas. Parabéns.

  • Gostei muito da matéria. Aprendi e vou aplicar. Tenho poucos exemplares, mas todas elas dão flores duradouras. Vi num vídeo um adubo feito com borra de café, farinha de osso e cinzas em igual quantidade. Deve ser colocado na borda oposta das raízes. Deixo aqui como contribuição, apesar de ainda não ter testado nas minhas. Obrigada pelas dicas.

  • Ganhei uma orquídea, mas deixei-a exposta numa area dd muito sol e queimou as folhas. O que fazer agora, pois a haste está florescendo novamente e as folhas estão feias… .

  • Obrigado pelas dicas. Acabei de comprar minha primeira orquídea. Até agora, tudo bem. Depois que eu comprei, duas das flores saíram, mas cresceu uma nova flor. Espero que continue a crescer.

  • Oi equipe do blog plantei

    O artigo ficou incrível, muito bem escrito, formatado e com várias dicas.
    Eu percebi que vocês disseram para evitar cortar o cabo da phalaenopsis, mas isso depende. Porque se ela estiver mais fraca ou talvez doente, é uma boa ideia cortar a haste dela, porque uma nova floração vai gastar muita energia dessa orquídea, e caso você corte o cabo vai garantir que ela tenha energia para se recuperar.
    Bem é isso que eu aprendi 🙂

    Parabéns pelo artigo, ele ficou muito bom.

    • Olá, Thiago.
      Que bom que gostou de nosso material. Ficamos muito felizes e gratos pelo carinho.
      Realmente, você têm razão. Nesses casos é uma das atitudes que podem ser tomadas. Adicionaremos a informação ao post.
      Muito obrigado pela dica!
      Tenha uma ótima semana.

  • Gostei do conteúdo de seu blog,, bem resumido e indo no essencial.A gente aprende que as orquídeas sendo delicadas, podem ser cultivadas respeitando alguns cuidados como a luminosidade. a umidade, o tipo de adubo a ventilação,entre outros. O mais importante é saber que tipo de orquídeas vamos cultivar porque cada um tem seus segredos..Sendo assim cuidar de orquídeas fique ao alcance de todos. Obrigado.

Deixe uma rsposta

Your email address will not be published.


© 2020 Blog da Plantei. Todos os Direitos Reservados.
Voltar para o topo