Como plantar tomilho

18 Comentários

O tomilho (Thymus vulgaris), família Lamiaceae, é um subarbusto aromático da família das labiadas. É famoso pelo sabor picante e é uma especiaria que vale a pena ter no jardim, pois além de enfeitar os canteiros, faz bem à saúde.

     Ele é um grande conhecido entre as pessoas que gostam de cozinhar ou desfrutar de boas receitas. Vai bem em carnes vermelhas, molhos, legumes e peixes. Mas, não é apenas na cozinha que este querido verdinho faz sucesso. Ele também se destaca no jardim, marcando presença não apenas na horta, mas também em vasos, jardineiras e canteiros, com a vantagem de dar um aroma agradável ao ambiente.

F01FA86D1E86155FF6F31374B98C4_h450_w598_m2_q90_cZYsLcZaA

          O plantio pode ser realizado isolado ou combinado com outras plantas na horta. Rende ainda as opções de usá-lo como bordadura para canteiros ou para dar acabamento a vasos com frutíferas.

             Existem inúmeras espécies de tomilho originárias de regiões da Europa, Ásia e África banhadas pelo Mediterrâneo. No Brasil três são encontradas com mais facilidade: o tomilho comum (Thymus vulgaris), que é mais popular e se caracteriza por ter folhas pequenas e estreitas, usadas na culinária tanto frescas quanto secas; o tomilho-limão (Thymus x citriodorus), de folhas verde-claras e sabor cítrico, usado apenas fresco tanto em pratos doces quanto salgados; e o tomilho-variegado (Thymus vulgari’s Argenteus), cujo sabor é similar ao do tomilho-comum, e que dá charme ao jardim com suas folhas bicolores.

      Do começo da primavera até o fim do verão, todos eles se enchem de pequenas flores em variados tons de rosa.

shutterstock_360349343

           É rico em timol, com apreciável poder anti-séptico, muito utilizado contra as afecções pulmonares e como estimulante digestivo. Também é conhecido pelo nome de timo.

       Em fitoterapia, são utilizadas as partes aéreas. Tem propriedades anti-sépticas, tônicas, antiespasmódicas, expectorantes e vermífugas.

          Em infusão, é usado no combate a infecções de garganta e pulmonares na asma e febre dos fenos e na eliminação de parasitas. Externamente, alivia picadas, dores reumáticas e infecções fúngicas.

      Revigorante e tônico, é essencialmente usado como remédio respiratório.

shutterstock_337229936

      O tomilho é uma erva rústica, que não precisa de muitos cuidados. Na região da Provence, na França, chega a crescer espontaneamente entre pedras, devido ao solo seco e rico em calcário.

      No Brasil, deve ser plantado em solo arenoso e em locais que recebam pelo menos quatro horas de luz solar todos os dias.

       Quando plantadas direto no solo, as mudas devem ser acomodadas em berços de 30 cm de lado e 35 cm de profundidade. Para o plantio em vasos, é importante que o recipiente tenha pelo menos 15 cm de profundidade. Se a ideia for cultivar a partir de sementes, deve-se primeiro usar uma sementeira e, quando as plantas estiverem com cerca de 10 cm de altura, transplantá-las para canteiros ou vasos.

foto-3

        O tomilho não precisa de muita água. A dica para descobrir se é hora de regar é colocar o dedo na terra e só molhar a planta se o substrato estiver seco. O tempero também não é exigente quando à adubação. Deve ser feita uma adubação a cada 40 dias, de cobertura com composto orgânico.

            Quando a planta estiver com 15 cm – o que acontece cerca de 15 dias após o plantio da muda, ou em 60 dias no caso do plantio por sementes -, os ramos já podem começar a ser podados e usados na culinária. Corte-os com uma tesoura e jamais arranque apenas as folhas, pois isso danifica a planta.

       Em suas folhas miúdas o tomilho guarda muitos benefícios à saúde de quem o consome: o tempero é rico em vitaminas C, D, do complexo-B, e também contém iodo. Estudos da Leeds Metropolitan University, na Inglaterra, apontam que o tomilho destrói a acne de forma mais eficaz do que alguns produtos, devido à sua ação anti-inflamatória e bactericida.

      Como se não bastasse todos esses benefícios, a erva pode ser usada como substituta para o sal na hora de preparar receitas, pois dá sabor à comida. O mais indicado é adicionar o tempero no cozimento dos alimentos para tirar proveito de seu sabor e de todas as suas propriedades.

tomilho002

Tomilho em detalhes

Nomes científicos: Thymus vulgaris, Thymus vulgaris Argenteus e Thymus x citriodorus

Nomes populares: Tomilho, tomilho-variegado e tomilho-limão

Família: Lamiáceas

Origem: Regiões da Europa, Ásia e África banhadas pelo Mediterrâneo

Características: Subarbusto aromático perene, que atinge até 30 cm de altura

Folhas: Pequenas, laminares e lanceoladas. O formato e a cor variam um pouco de uma espécie para outra

Flores: Pequenas e delicadas, com variados tons de rosa. Surgem entre o começo da primavera e o fim do verão

Luz: Sol pleno

Solo: Arenoso e bem drenado

Clima: Subtropical árido, típico do Mediterrâneo, tolerante ao calor tropical

Plantio: Para o cultivo em canteiros abra berços de 30 cm de lado e 35 cm de profundidade, acomode a muda e complete com a terra do local. Para o plantio em vasos, escolha um recipiente de pelo menos 15 cm de profundidade preenchido com terra de jardim. O plantio também pode ser feito a partir de sementes. Neste caso, plante-as em uma sementeira e, quando as mudas atingirem 10 cm de altura, transplante-as para o local definitivo

Regas: Apenas quando o solo estiver seco, pois o tomilho não gosta muito de água

Adubação: A cada 40 dias, faça uma adubação de cobertura com produtos orgânicos, como bokashi ou torta de neem

Propagação: Por sementes ou estaquia. Para propagar mudas em casa corte um ramo de pelo menos 8 cm de plante em um vaso pequeno, regando com frequência para não deixar o solo secar. Outra opção é colocar o ramo em um copo com água até as raízes aparecerem e depois plantar em um vaso ou direto no solo

tomilho

E você, gosta de tomilho? Pronta para cultivar este delicioso tempero?

Deixe seu comentário! 😉

Fonte – Revista Natureza, edição 338 – Editora Europa

18 respostas para "Como plantar tomilho"

  • Gostei muito da explicação , sou um fã das plantas e o meu lazer predileto .eu trato minhas plantas com muito carinho.

  • Tenho o tomilho em casa e não sabia dos benefícios, estava preocupada com a qualidade do plantio por ter observado que alguns ramos estavam morrendo, vou mudar de vaso e incluir um pouco de areia ao solo para auxiliar a drenagem da água.

    obrigada pelas dicas

  • Ai que delícia!!!
    Eu tenho tomilho plantado em um vaso. Uso em alguns pratos e fica uma delícia!!!
    Comprei duas mudinhas na floricultura e ficaram lindinhas no meu canteiro!

  • Todo tomilho que compro para cultivo morre, Rego um dia sim, outro não. Que tipo de terra devo usar para replantar? E que tipo de adulto?

    • Idem… os meus também morrem. Rego quando toco o dedo e está seco, isso é quase que um dia sim e outro não. Não sei o que faço de errado. Podem me ajudar?

  • acho que é fácil morrer. mantenha sempre mais de um pé. caso morra, vc pode fazer mais mudas por estaca.
    seja obcecada por drenagem. os meus deixo em vasos com entulho de construção (pedacinhos de tijolos, parede, …) com um pouco de húmus por cima.

  • Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *