Como plantar rosa do deserto através de sementes

     Se você assim como nós adora rosas do deserto, certamente deseja aprender como propagá-las, não é mesmo?!

     Essa linda planta que conquista cada dia mais fãs forma sementes através da polinização das flores.

     Essa polinização pode ser realizada tanto com flores de uma mesma planta (autopolinização), ou de plantas diferentes (polinização cruzada).

     Em casos de autopolinização pode ocorrer a formação de plantas albinas. São estas mudas brancas, sem coloração alguma. E é importante citar que essas plantas não sobrevivem.

     Quanto mais frescas as sementes de rosa do deserto, maior seu poder germinativo. Por isso, espere o fruto abrir naturalmente para poder coletar as sementes maduras.

     Feito isso, plante-as logo em seguida.

     Para que possam germinar bem, as sementinhas precisam de umidade, oxigênio e, claro, calor. Esse é o triângulo da germinação.

Germinação

     O primeiro passo para uma boa germinação é a hidratação, que consiste em colocar as sementes de molho em água não clorada, por um curto período de 2 a 3 horas.

     Quanto ao substrato para uma germinação saudável, recomenda-se o uso de 60% de composto orgânico para 40% de carvão moído.

     A areia grossa também é uma ótima matéria para as rosas do deserto e por isso pode substituir o carvão moído. Assim como o composto orgânico pode ser substituído por húmus.

     Caso queira utilizar um substrato pronto, recomendamos o Substrato Carolina, que é composto por materiais orgânicos e fornece uma alta taxa de germinação.

     O recipiente ideal pode variar de acordo com seu gosto e materiais à sua disposição. Copinhos de café descartáveis são uma opção. Mas há também as clássicas sementeiras.

     Preencha o recipiente escolhido com o substrato e coloque apenas uma semente em cada cavidade, cobrindo com uma camada de 5 milímetros de substrato. Bem fina.

     Feito isso, prepare uma boa irrigação e coloque os potinhos, ou sementeiras, em uma espécie de estufa fechada.

     Essa estufa pode ser criada de incontáveis maneiras, basta soltar a imaginação. Você pode utilizar potes grandes, refratários cobertos com filme plástico, sacos plásticos grandes… O importante é que fique totalmente fechado pois isso garantirá a umidade do substrato durante o período de germinação.

     Se as sementes forem de boa procedência, entre 3 e 5 dias germinarão. Após a germinação ocorrer, a tampa ou filme plástico deverão ser retirados imediatamente.

     O próximo passo é colocar as mudas para receberem o sol da manhã, por pelo menos 2 horas.

     Esse tempo deverá ser aumentado aos pouquinhos, para que as mudas se adaptem, até chegar ao ponto de ficarem a manhã toda no sol.

     Quando elas apresentarem 2 pares de folhas, continue aumentando o tempo de exposição solar até conseguirem finalmente ficar sob sol pleno.

Irrigação

     A irrigação é um passo muito importante e também precisa ser criteriosa.

     No começo, molhe de forma a manter o substrato sempre úmido. Conforme as mudas forem se desenvolvendo, diminua gradativamente a irrigação, para uma vez ao dia. Depois, duas vezes ao dia. Até chegar o ponto de molhá-las apenas quando o substrato estiver totalmente seco.

Transplante

     Quando as mudinhas já estiverem com 3 pares de folhas definitivas e também desenvolvidas, é hora de transplantar.

     Essa tarefa pode ser feita com o torrão.

     Depois de transplantada basta seguir com os tratos comuns para as rosas do deserto. Você pode conferir um conteúdo aqui do nosso blog sobre esse assunto clicando aqui.

     É importante dizer que no transplante, pode-se fazer uma poda do broto apical para que as folhas da ponta sejam eliminadas. Isso estimulará a formação de novos brotos laterais, adicionando um formato arredondado a copa da planta.

     Processo feito com sucesso, agora é só cuidar com amor e cuidado da sua rosa do deserto e ansiar por suas lindas flores!

     Bom cultivo! 💚

Comments

comments

Sem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *