Plantas ornamentais não tóxicas para ter em casa tranquilamente

Sem comentarios

     Há alguns meses atrás publicamos aqui em nosso blog um conteúdo sobre plantas tóxicas que muitas vezes temos em casa e que nem sequer sabemos o quão mal podem fazer à animais e crianças.

     A segurança das nossas crianças e dos nossos animais de estimação é um assunto muito sério e que deve ser respeitado.

     Pensando nisso, separamos algumas espécies de plantas ornamentais que embelezam a nossa casa (ou qualquer ambiente que desejar) sem oferecer alto risco à saúde humana e animal.

Capuchinha (Tropaeolum majus)

     A linda capuchinha é uma planta rasteira que se espalha com muita facilidade, fazendo com que qualquer canteiro ou vaso se transforme numa linda área colorida. Uma verdadeira explosão de folhas e flores.

     Essa plantinha tão simpática deve ser cultivada a sol pleno, e por isso pode habitar os mais diversos tipos de ambientes, como quintais, varandas e sacadas.

     Uma curiosidade super interessante sobre a capuchinha é que todas suas partes são comestíveis: folhas, flores e sementes.

     As flores podem ser amarelas, vermelhas, laranjas ou em alguns casos, até mesmo cor de rosa.

Lavanda (Lavandula dentata)

     Esta linda e muito querida planta se desenvolve super bem no nosso clima, apresentando floração na maior parte do ano.

     Vale lembrar que essa espécie é diferente da L. officinalis (inglesa) que precisa de alta altitude para poder florescer.

     A planta gosta de ser cultivada em solo arenoso e a pleno sol. Você pode cultivá-la em canteiros, vasos ou até em jardineiras.

     Os raminhos com flores podem ser usados em defumações ou sachês perfumados.

Violeta-perfumada (Viola odorata)

     Essa planta rasteira super fofinha possui flores pequeninas e roxas como principal elemento decorativo.

     É uma espécie muito utilizada para ornamentar vasos, canteiros e jardineiras.

     E tem mais, na culinária suas folhas são utilizadas no preparo de saladas. Acredite.

     A violeta-perfumada pode ser cultivada sob sol pleno ou ainda a meia sombra.

Amor-perfeito (Viola x wittrockiana)

     Esta simpática planta apresenta uma grande variedade de coloração de flores. Isso a torna ainda mais charmosa e especial.

     E por isso é muito utilizada no preparo de jardins verticais.

     A planta se desenvolve melhor quando plantada a meia sombra, protegido de sol forte e atinge em torno de 20 cm de altura.

     Suas coloridas flores são usadas na culinária, o que garante um toque suave à doces e saladas.

Incenso/mirra (Iboza riparia)

     Este arbusto ereto apresenta inúmeras inflorescências com flores bem pequenas, formadas no período de inverno.

     A planta pode ser cultivada isoladamente ou mesmo em grupos.

     A espécie atinge de 1,2 a 1,6 metros de altura. Sendo assim, precisa de um espaço maior que as outras plantas citadas aqui no post.

     A mirra deve ser cultivada a pleno sol e por isso não é recomendado o seu cultivo dentro de casa.

     Não é de amplo uso na culinária, mas é muito utilizada para a retirada de óleo essencial. Item necessário para a fabricação de florais.

Rabo-de-galo (Celosia argentea)

     Esta incrível herbácea apresenta apaixonantes inflorescências plumosas.

     É utilizada como forração ou planta principal de vasos e canteiros.

     A Celosia argentea gosta de sol pleno e por isso não se desenvolve bem em ambientes de sombra ou internos.

     Suas belas flores são geralmente utilizadas para incrementar arranjos de vasos ou até mesmo buquês.

     Gostou de conhecer algumas das plantas não tóxicas que você pode ter aí na sua casa?

     Em nosso site você encontra os mais diversos itens para lhe auxiliar no cultivo. Temos vasos, ferramentas, sementes, fertilizantes, adubos… Conheça clicando aqui.

     Mãos à terra! 💚

 

Sem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *