Lendo agora
Zamioculca: como cuidar e fazer mudas  

Zamioculca: como cuidar e fazer mudas  

A zamioculca (Zamioculcas zamifolia) é vistosa, resistente a ausência de luz e não demanda cuidados complexos: as regas podem ser semanais e a planta não exige poda. Por esse motivo, é uma das queridinhas entre as opções para ambientes internos, como salas e escritórios. 

Neste artigo explicamos tudo sobre o cultivo da zamioculca e um passo a passo (em imagens) de como fazer mudas. Confira! 

Escolha do vaso

Os vasos podem ser altos e grandes ou no estilo bacia/concha, principalmente se a intenção é cultivar a zamioculca para decorar ambientes. 

Como as folhas são verdes e brilhantes e a planta não exige poda de formação (apenas de limpeza, para retirada de folhas secas), é uma ótima opção para criar pontos de destaque na decoração de salas, varandas, halls de entrada e até mesmo em ambientes corporativos. 

zamioculca em vaso
Zamioculca em vaso concha (à esquerda) e em vaso alto (à direita). Imagens: fornecedor e Plantei Garden Center.

Você já sabe, mas não custa reforçar: todos os vasos precisam ter furos, para que a água escoe com facilidade, evitando que as raízes apodreçam.

Lembre-se, também, de fazer uma camada de drenagem no fundo do vaso com argila expandida ou brita antes de adicionar o substrato. 

Substrato para zamioculca

De modo geral, todas as folhagens cultivadas em vasos precisam de substratos que ofereçam uma boa drenagem, ou seja, quando a água das regas é absorvida rapidamente, em, no máximo, 2 segundos. 

O substrato para zamioculcas pode ser feito com um mix com terra vegetal, adubo orgânico (pode ser húmus de minhoca) e areia, na proporção de 1:1:1. 

Dica: você pode adicionar um pouco de carvão para deixar o substrato mais drenável, sem que haja muitas percas dos nutrientes vindo do solo ou da adubação após as irrigações. 

substrato carolina

Escolha do local e luminosidade 

A zamioculca é uma planta que se adapta muito bem a locais de meia-sombra. Por esse motivo, é uma das queridinhas da decoração em ambientes internos e até mesmo de jardins de inverno.  

Em ambientes externos, opte por colocá-la em um local protegido de sol pleno constante, das chuvas excessivas ou de ventos muito fortes. 

Frequência de regas

A zamioculca não gosta de regas frequentes! Elas têm a capacidade de armazenar mais água que outras espécies e aprecia umidade, mas pode apodrecer em solos encharcados.

Se o clima da região for muito quente, faça duas regas durante a semana. Em regiões de clima frio ou ameno, faça uma rega semanal. 

A zamioculca é tóxica?

Sim! Todas as partes da zamioculca são tóxicas e não devem ser ingeridas. Mantenha-as longe de crianças e pets. 

Como fazer mudas de zamioculca?

É muito fácil fazer mudas de zamioculca, basta ter paciência. Confira o passo a passo em imagens e comece já! 

O primeiro passo é pegar um galho de uma zamioculca adulta e saudável. Em seguida, corte as folhas junto ao galho, mantendo o cabinho.

corte de folhas de zamioculca para fazer mudas

Depois de cortar as folhas, coloque-as em um vaso com substrato para plantio.

Você pode utilizar um mix pronto para esta finalidade ou utilizar a recomendação de substrato (terra vegetal, húmus de minhoca e areia) que indicamos anteriormente.  

folhas de zamioculca sendo colocadas no substrato de plantio para fazer mudas

O vaso para as mudas também deve ter uma ótima drenagem, para que o substrato não fique encharcado e cause o apodrecimento das folhas. 

Veja também
coroa de cristo

As folhas podem ser posicionadas sempre com o cabinho para baixo e enterradas a, aproximadamente, 5 centímetros.

Você pode colocar várias folhas no mesmo recipiente, como mostramos na segunda imagem abaixo.  

vaso com mudas de zamioculca

O crescimento das mudas é lento, então, tenha paciência! Mantenha o vaso à meia-sombra e faça irrigações sempre que o substrato estiver seco, já que elas apreciam umidade. Para isso, você pode utilizar um borrifador. 

suporte com rodinhas

Com o tempo, as pequenas folhas começam a criar raízes e gerar pequenas folhas, produzindo novas mudas de zamioculca para enfeitar seu jardim. 

Quando as mudas estiverem firmes e com várias folhas abertas, é hora de fazer o transplante e colocá-las em vasos individuais, assim não competem pelos mesmos nutrientes em um espaço pequeno e podem se desenvolver melhor! 

mudinhas de zamioculca

Gostou das dicas sobre como plantar, cuidar e fazer mudas de zamioculca?

Continue navegando aqui no nosso blog e veja mais inspirações para decoração com plantas, ideias de plantio e muitas dicas de jardinagem!

produtos para jardinagem

Comments

comments

Comentários (0)

Deixe uma rsposta

Your email address will not be published.


© 2020 Blog da Plantei. Todos os Direitos Reservados.
Voltar para o topo