Lendo agora
Fitônia: como cuidar da planta

Fitônia: como cuidar da planta

fitônia

A fitônia (Fittonia vershaffeitil) é uma planta perene e de coloração bastante característica. É possível encontrá-la nas cores verde escuro, branco ou em tons avermelhados, com os veios das folhas bem marcados. 

Além do uso como planta de forração em canteiros de jardins, a planta também é cultivada em vasos decorativos, principalmente nos ambientes internos que recebem bastante luz.

Neste artigo explicamos como cuidar da fitônia e quais suas preferências. Confira! 

fitônia em vaso

Fitônia: como cuidar

Além de ser uma planta fácil de cultivar, a fitônia exige pouquíssima manutenção! 

Em ambientes internos, a planta se adapta melhor a ambientes bem iluminados. Coloque-as em aparadores próximos às janelas ou outras fontes de luz, como jardins de inverno

Mantenha-as longe do sol pleno, pois ela pode não se desenvolve bem nestas condições. Embora aprecie o clima quente e úmido, se for cultivá-la em canteiros, escolha locais de meia-sombra. 

As regas podem ser frequentes, pois a fitônia ama umidade. Porém, tome cuidado para não encharcar o solo. 

Quanto à manutenção, retire as folhas que ficarem secas e faça uma adubação a cada três meses. Utilize adubos para folhagens ou o bokashi

Para quem acabou de adquirir uma fitônia em viveiros ou feiras, a dica é prestar atenção no local onde o vaso será colocado e também na quantidade de água durante as regas.

As plantas comercializadas ficam em ambientes controlados, por isso, a exposição ao sol, mesmo que por poucas horas e o excesso de regas podem prejudicar o desenvolvimento. 

fitônia em canteiro

Iluminação e preferências

Aprecia meia-sombra e climas quentes e úmidos. Precisa ser protegida de ventos fortes, pois são plantas sensíveis de flores delicadas. 

Regas

A fitônia aprecia umidade, mas não gosta de substratos encharcados.

As regas podem ser frequentes, de duas a três por semana, dependendo das condições climáticas da região. Uma opção é alternar entre o uso do regador e borrifador, para evitar excessos. 

kits de plantio

Folhas murchas: o que fazer 

Se a sua fitônia está com folhas murchas, pode ser falta de água.

Verifique se o substrato está seco antes de fazer uma rega. Se o problema persistir, observe se a água escoa com facilidade e verifique se há camada de drenagem no vaso. 

A retenção de água no fundo do vaso pode causar o apodrecimento das raízes.

Mudas de fitônia: como fazer

A fitônia costuma se espalhar de forma ‘rasteira’ pelo espaço, seja canteiro ou vaso. 

A multiplicação é feita por meio de estacas, utilizando matrizes saudáveis. Escolha de 4 a 5 mudinhas na coloração desejadas e coloque-as em recipientes para plantio.

  • Substrato 

Utilize o substrato Carolina ou prepare um mix com terra vegetal, terra comum e areia na proporção de 1:1:1. Acrescente algum composto rico em matéria orgânica, como húmus de minhoca. 

Posicione os recipientes em um local de meia-sombra e faça regas sempre que o substrato estiver seco. Tome cuidado ao regar e, se preferir, utilize um borrifador para umedecer o substrato. 

substrato para plantio

Veja também

  • Preparo do vaso 

Antes do transplante, prepare o vaso para receber as novas fitônias. Primeiro, faça uma camada utilizando brita ou argila expandida. Depois, preencha com o mix para plantio que sugerimos anteriormente. 

  • Preparo do canteiro 

Escolha um local plano e revolva a terra por no mínimo 20 centímetros. Acrescente húmus de minhoca, se desejar.

Faça pequenos buraquinhos para acomodar as mudas. Lembre-se de planejar a distância entre eles, porque as fitônias vão crescendo e se espalhando pelo espaço.

mudas de fitônia

Para fins paisagísticos, aposte na combinação da fitônia margeando cultivos que dão flores o ano todo ou em plantas que produzem flores pequenas, como cravos, cravinas, tagetes e beijo-pintado.

Outra opção é utilizar pedras e pedriscos como bordaduras, ao lado dos limitadores de canteiros. As cores expressivas da planta criam um belo contraste e ficam amparadas. 

  • Transplante da fitônia

Faça o transplante para o vaso ou local definitivo quando as mudas de fitônia estiverem firmes, saudáveis e com, aproximadamente, 10 centímetros.

Para retirá-la, dê batidinhas leves no recipiente para que o torrão se solte e leve-o junto à planta para o novo local. Acomode com as mãos e preencha com terra para mantê-los bem firmes. 

fitônias de cores diferentes

Em seguida, faça uma rega generosa e observe se a água escoa pelos furos dos vasos. Se o plantio foi feito em canteiros, veja se a água não empossa no local. 

Ideias para jardim

Gostou das nossas dicas sobre os cultivos e cuidados da fitônia?

Aqui no nosso blog você encontra várias dicas e inspirações sobre jardinagem. Confira: 

Comments

comments

Comentários (0)

Deixe uma rsposta

Your email address will not be published.


© 2020 Blog da Plantei. Todos os Direitos Reservados.
Voltar para o topo