Pesquise por hashtags, nomes, e assuntos Pesquisar

O que você precisa saber para fazer os canteiros da horta

Você já parou para pensar sobre qual é a finalidade dos canteiros em uma horta? E mais: o porquê de algumas plantas serem plantadas neles e outras não? Pois, esta postagem é justamente para isso: esclarecer você sobre a importância dos canteiros, além de trazer dicas sobre como fazer eles para a obtenção de melhores resultados na sua horta.

Então, vamos lá!

Os canteiros são criados para facilitar o plantio de algumas espécies, como alface, cenoura, alho, entre outras, especialmente quando o desenvolvimento inicial é relativamente lento. Por meio dos canteiros e da criação de “ruas” entre eles, a locomoção pela horta e o trato com as plantas ficam facilitados, principalmente em momentos como a capina. Além disso, os canteiros evitam o acúmulo de água entre as plantas, sobretudo se o plantio ocorrer em uma baixada ou área propensa ao acúmulo de água.

Viu só como os canteiros não estão na horta apenas para fazer bonito? Por isso, vamos dar dicas sobre como fazer os canteiros.

Como preparar os canteiros


Materiais alternativos podem auxiliar na feitura das bordas dos canteiros

Em primeiro lugar pode ser feito o planejamento do uso da área definida para o preparo dos canteiros. Nesse sentido, vale fazer um rascunho, em escala menor, da área total e distribuir o espaço em canteiros e “ruas”. Assim, você consegue prever quantos canteiros poderão ser preparados e otimizar o espaço disponível.

A largura dos canteiros e das “ruas” depende do tamanho do terreno disponível. Entretanto, deve ser pensada de modo a facilitar a realização dos trabalhos manuais como semeaduras, capinas e colheita. De modo geral, os canteiros podem variam de 90 cm a 120 cm. Já as “ruas” ficam com a largura entre 30 cm e 50 cm.

Com o planejamento concluído, é chegada a hora de colocar a mão na massa, ou melhor, na terra. Nesse sentido, o primeiro passo é a limpeza do terreno. Após, faze-se a desestruturação do inicial do solo com o auxílio de enxadões, seguida do destorroamento e do nivelamento dos canteiros com enxadas.

Na etapa de nivelamento é importante considerar a estabilidade dos canteiros. Por isso, em regiões ou épocas chuvosas, os canteiros devem ser ligeiramente mais altos, com 15 cm a 20 cm. Já em regiões secas, a sugestão é deixar as beiradas ligeiramente mais elevadas, formando bordas de retenção da umidade.

Gostou das nossas dicas para a elaboração dos canteiros? Se sim, deixamos a sugestão para que você confira também nossa postagem sobre como deve ser o solo para o cultivo de hortaliças. É para você obter uma horta bonita e produtiva de dar inveja (boa) na vizinhança!

*Com informações da publicação Hortas : o produtor pergunta, a Embrapa responde / editores técnicos, Gilmar Paulo Henz, Flávia Aparecida de Alcântara. – Brasília, DF : Embrapa Informação Tecnológica, 2009.

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Feito por Nerau Studio