Lendo agora
Plantas trepadeiras: 13 espécies para cultivar

Plantas trepadeiras: 13 espécies para cultivar

plantas trepadeiras

As plantas trepadeiras encantam e chamam a atenção em qualquer jardim. Elas são divididas em vários grupos – arbustivas, com gavinhas, perenes, cipós etc – ou seja, há opções para todos os gostos!

Elas dão um toque verde todo especial e acabam com a monotonia de paredões, cercas e muros chapiscados.

Listamos as 13 espécies mais populares para você conhecer e cultivar.

Confira!

1 – Unha-de-gato

Esta linda espécie destaca-se como uma das trepadeiras mais conhecidas.

O sol pleno é fundamental para o desenvolvimento da unha-de-gato (Ficus pumila), mas também cresce de maneira saudável a meia-sombra.

É muito importante frisar que esta espécie não pode revestir paredes devido à alta concentração de umidade. Por este motivo é considerada uma boa alternativa para fechamento total de muros.

A espécie cria um efeito mais harmônico e natural ao ambiente.

unha de gato

2 – Trepadeira-castanha

A opção perfeita para quem busca um efeito ornamental no jardim é a trepadeira-castanha (Tetrastigma voinierianum).

A planta forma uma belíssima cortina de folhas para revestir superfícies. É vistosa e ideal para lugares com clima ameno.

trepadeira castanha

3 – Tumbérgia sapatinho

Com uma floração incrivelmente bela, a tumbérgia sapatinho (Tumbergia mysorensis) é ideal para enfeitar e colorir sua casa!

Inicialmente cresce lentamente, mas o seu desenvolvimento acelera com o passar do tempo. Deve ser cultivada sob sol pleno.

sapatinho de judia

4 – Jade azul

De beleza exuberante, a jade azul (Strongylodon macrobotrys) gosta de umidade e não sobrevive ao frio.

Seus lindos cachos em flor atraem beija-flores nos meses quentes. Se mantém densa o ano todo e pode ser plantada por sementes ou estacas.

jade azul

5 – Ipoméia rubra

Esta trepadeira é tropical e apresenta crescimento vigoroso a partir do primeiro ano de desenvolvimento.

A ipoméia rubra (Ipomoea horsfalliae) precisa de regas frequentes e é sensível ao frio. A florada acontece na primavera e no verão. 

ipoméia rubra

6 – Alamanda

Mais conhecida como alamanda-amarela ou dedal-de-dama (Allamanda cathartica), essa espécie proporciona uma bela decoração para muros, devido à seus lindos ramos pendentes floridos.

Produz flores amarelas e grandes, necessita de sol pleno e se reproduz por meio de estaquia dos galhos.

A espécie é originária do Brasil, ideal para clima quente e úmido. Vale lembrar que a planta é tóxica, por isso merece um cuidado extra.

alamanda amarela

7 – Heras

Indicadas para regiões de clima ameno e frio, as heras (Hedera helix e Hedera canariensis) desenvolvem-se bem em muros rústicos, como os chapiscados.

As heras podem ser cultivadas sob sol pleno, mas se desenvolvem bem mesmo à meia-sombra. São originárias da África.

Clique aqui e leia o artigo especial sobre cultivo de hera.

heras

8 – Rosa trepadeira

A rosa trepadeira (Rosa x wichuraiana) é uma espécie é perfeita para regiões frias.

Precisa de arcos de sustentação ou treliças e não suporta nenhum tipo de excesso, seja de poda ou de rega. Suas flores são mais comuns entre primavera e o outono.

Leia também:
👉 Como semear flores?
👉 Rosas: do plantio à poda

rosa trepadeira

9 – Jade vermelha (Mucuna bennettii)

A jade vermelha é uma espécie é bastante vigorosa, de ramos moles e crescimento rápido.

Desenvolve-se em pleno sol ou meia-sombra. De clima tropical ou subtropical, é ideal para enfeitar pergolados.

jade vermelha - plantas trepadeiras

10 – Tumbérgia azul

A planta é fácil de cultivar e prefere ambientes de meia-sombra, onde haja o sol do início da manhã. Solos ricos em matéria orgânica favorecem o crescimento da tumbérgia azul.

As regas devem ser frequentes, para manter o substrato úmido, mas sem encharcamentos. 

Tumbérgia azul com flores.

O florescimento é mais frequente durante a primavera, mas pode acontecer em outras estações, principalmente quando a planta recebe os cuidados adequados.  

A poda de formação é essencial para direcionar os galhos, principalmente quando a tumbérgia azul é utilizada em pergolados e coberturas nos ambientes externos. 

Veja também
Parede verde com plantas vivas: folhagens, begônias roxas, etc.

11 – Amarelinha

Outra opção de planta trepadeira é a Thunbergia alata, popularmente conhecida como “amarelinha”. Por ser fácil de cultivar, é recomendada para cobertura de cercas que estejam em espaços que recebam sol pleno ou sombra parcial.

Tumbérgia alata (amarelinha), planta trepadeira em coluna, com flores amarelas.

Além do plantio por estacas, a amarelinha também se desenvolve a partir de sementes. A semeadura é feita durante o ano todo, em todas as regiões do Brasil. Evite períodos de frio intenso ou geadas. 

A floração acontece, principalmente, durante o verão. 

Clique aqui e veja o passo a passo para cultivá-la. 

11 – Primavera 

A primavera (Bougainvillea Spectabilis) é um arbusto cultivado como trepadeira muito utilizado na ornamentação em muros, colunas ou na cobertura de pérgolas.

Primavera (Bougainvillea Spectabilis), planta trepadeira com folhas cor-de-rosa apoiada em cerca e muro.

O plantio é feito em canteiros ou em vasos grandes. É fundamental fazer podas regulares de formação, a fim de orientar os galhos e folhas em uma copa arredondada. 

Acesse este post e confira dicas certeiras de cultivo e um passo a passo de como fazer mudas de primavera por estaquia. 

12 – Lanterninha-japonesa 

A flor de sino ou lanterninha-japonesa (Abutilon megapotamicum) está entre as plantas trepadeiras mais bonitas e fáceis de cultivar!

Lanterninha-japonesa apoiada em cerca.

O arbusto é ideal para cobrir ou adornar cercas e estruturas verticais. As preferências do cultivo são por locais de sol pleno e solos ricos em matéria orgânica. No entanto, é tolerável a diversos tipos de solo. 

As regas são moderadas, de duas a três por semana, principalmente nos períodos mais quentes. 

13 – Lágrima-de-cristo

A Clerodendron thomsonae é uma planta trepadeira que pode compor jardins de inverno em vasos ou crescer apoiada em treliças e colunas. 

Você pode encontrar com inflorescências predominantemente brancas, com centro avermelhado ou totalmente vermelhas. Ambas são belíssimas e deixam qualquer jardim ainda mais bonito!

Lágrima-de-cristo, planta trepadeira com flores brancas e centro avermelhado.

A lágrima-de-cristo aprecia ambientes úmidos e com bastante luminosidade. O cultivo à meia-sombra, com sol da manhã por algumas horas, favorece o florescimento. 

Onde comprar mudas de trepadeiras?

Gostou de conhecer nossas dicas de plantas trepadeiras para utilizar no jardim? Fica até difícil não querer decorar o jardim após conhecer essas maravilhas, né?

No nosso site você encontra várias espécies: clique aqui, compre e receba em casa!

cupom de desconto - loja plantei

Comentários (28)

Comentários encerrados


© 2013 - 2023 | Blog da Plantei. Todos os Direitos Reservados.
Voltar para o topo