10 plantas que não precisam de sol frequente

6 Comentários

     É mais do que comum perder plantas devido ao fato de receberem pouco sol ou luminosidade. Devido a correria, nem sempre você consegue dispor todo o tempo necessário para coloca-las no sol em horários específicos.

     No entanto, se você pensa que é impossível ter uma planta que não precisa de sol frequente e que pode ser cultivada dentro de casa ou escritório, saiba que está enganado. É possível.

      Mostraremos algumas espécies de plantas que crescem na sombra e não precisam de exposição frequente ao sol.

     Confira!

Aglaonema

     Esta é uma planta originária na Ásia, Filipinas e Oceania. Possui cerca de 50 espécies. Essa planta consegue aguentar facilmente baixas temperaturas e (acredite) precisa ficar somente na sombra.

     Ela deve ser plantada em solo bem drenado e receber regas apenas quando a terra parecer realmente seca.

     Uma ótima espécie para cultivar em casa pois ela filtra toxinas presentes no ar.

Lírio-da-paz

     Essa planta é originária da América Central. É uma planta que combina a beleza com os cuidados mais simples possíveis.

     A espécie resiste a climas de baixa temperatura e precisa de uma umidade relativamente moderada. Por isso é importante saber, que deve-se evitar o uso de prato com água sob o vaso.

     É uma planta que remove formaldeído e monóxido de carbono do ar.

Violetas

     Esta é uma das mais tradicionais plantas decorativas. A violeta possui uma grande variedade de cores, permitindo que você crie diversas composições com seus vasinhos.

     Ficam bem em parapeito de janelas, mesas, cantos de pias… Todo cantinho é cantinho pra ela. O fator mais importante é garantir que ela seja exposta somente à luz indireta.

     É fundamental que a regue uma ou duas vezes por semana também, mas, sem melhor as folhas e flores.

Zamioculcas

     Esta espécie é originária da Tanzânia e de Zanzíbar. É bem resistente por aguentar alta exposição solar ou a falta dela, além de poder ficar um longo tempo sem receber regas.

     É considerada popular para ambientes internos por ser uma planta decorativa.

     Preste muita atenção para não colocá-la em vaso com muita água. Seu solo deve ser apenas ligeiramente úmido.

Areca

     A Areca é uma das palmeiras mais versáteis e populares, pois fica bem em jardins, vasos em ambientes internos ou até mesmo cercas-vivas.

     A espécie pode crescer exposta diretamente ao sol, mas suas folhas ficam nitidamente mais vistosas quando cultivada à meia sombra.

     Não deve ficar em ambientes com ar-condicionado e deve ser regada regularmente.

Jiboia

     Essa é uma das poucas trepadeiras para ambientes internos e possui cerca de oito espécies, sendo originária nas Ilhas Salomão, Oceania.

     A Jiboia cresce apoiada a substratos como xaxins ou até mesmo outras plantas. Possui folhas coloridas, no entanto, se for cultivada somente na sombra, suas folhas serão verdes e pequenas.

     O que faz com que seja muito utilizada na decoração é justamente seus tons de verde e amarelo.

     É muito prática pois consegue se adaptar ao ambiente em que se encontra. Sua rega deve ser feita com frequência para manter o substrato úmido.

     A espécie purifica o ar e retira formaldeído dele.

Antúrio

     O Antúrio é original da Colômbia. É uma planta tradicional no paisagismo por conta de sua beleza e por ser de fácil cultivo e manutenção.

     Por suas flores vistosas, a planta é clássica e decorativa. É tradicionalmente usado em vasos mas há um certo tempo, passou a compor também paisagismos de jardins, sempre sob a sombra de outras plantas.

     Para seu desenvolvimento é necessário que fique à meia sombra, sem receber a luz solar direta, e contar com regas frequentes mas que não a encharque.

     Apesar da planta não precisar da luz solar para se desenvolver é importante saber que ela não pode ficar em ambientes escuros.

Mini-cacto

     Os famosos pequenos cactos são encontrados facilmente em supermercados e são ótimos para compor incríveis arranjos.

     Diferentemente dos cactos grandes, estes pequeninos não devem ser expostos à luz direta do sol e se adaptam bem melhor em ambientes internos bem iluminados.

     Para saber o momento da rega, basta verificar se a terra está seca. Normalmente as regas são semanais.

Echeveria

     Esta é uma super popular suculenta, planta que armazena água nas folhas e caules. A espécie tem o formato parecido com o de uma rosa.

     A espécie é muito usada para fazer belíssimos arranjos em vasos com outras suculentas e também cactos.

     Deve ser regada apenas uma vez por semana. A umidade intensa pode apodrecer suas raízes.

     É uma planta que não tolera muito sol.

Orquídeas

     Muitas pessoas acabam perdendo suas orquídeas devido ao excesso de luminosidade. Apesar de muito se dizer que elas precisam de luz solar constante, não é bem assim que funciona.

     Há uma infinidade de orquídeas e obviamente, cada uma delas precisa de cuidados especiais. Mas o que elas possuem em comum é justamente o fato de não necessitarem de luz solar constante.

     Procure sempre colocá-las onde elas possam ser banhadas pelo sol no hoário da manhã (até 9 horas). Se a planta não receber luz solar, ela não irá florescer. No entanto, o sol excessivo fará com que elas morram.

     Quando a iluminação for adequada as folhas sempre estarão verdes (em tons claros) com tamanhos similares e brilhantes.

     Acertar na iluminação é essencial para que suas orquídeas tenham lindas flores surgindo regularmente.

     E por falar em orquídeas, em nossa loja você encontra uma grande variedade de espécies disponíveis para compra. Confira clicando aqui.

Viu como há a possibilidade de ter plantas mesmo sem a presença diária do sol?

     Aposto que surgiu uma animação por aí para começar a decorar o ambiente com alguma dessas maravilhas, né?

     Então mãos à terra!

6 respostas para "10 plantas que não precisam de sol frequente"

  • Muito boa as dicas. Sempre gostei de ter plantas dentro de casa, mas não sabia quais as que não necessitam de sol.

  • Gostaria de saber se a Árvore da Fortuna pode ser incluída nesta relação de plantas que não precisam de luz solar.

  • Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *